Artemísia

Por Lu Fernandes

Extraindo da natureza o que há de melhor.

A Artemísia ou popularmente erva-de-são-joão, como o alecrim, parece ser outra planta revestida de magias e mistérios, já que é denominada por alguns até como “a planta mais poderosa da terra”, "a erva da vida", "erva das bruxas" ou “a deusa das plantas”.

Além de suas inúmeras propriedades medicinais, sempre foi usada por videntes, clarividentes e místicos, de diversos lugares do mundo, como auxiliar nas adivinhações.

Sabe-se que a Artemísia tornou-se também uma planta mágica ou Sagrada para os orientais, - tendo até um tempo no calendário chinês consagrado a ela: no início (dia 05) de maio - sendo uma erva largamente usada na medicina chinesa, principalmente na forma de moxa.

Segundo a fonte do Wikipedia:
Artemísia (Artemisia Annua)é um gênero botânico pertencente à família Asteraceae. O grupo inclui 200 a 400 espécies de plantas herbáceas e arbustivas, ricas em óleos voláteis. O absinto é um exemplo de espécie de Artemísia.

A artemísia é muito utilizada como moxa na terapia chamada moxabustão, difundida através da medicina tradicional chinesa e japonesa. A moxa, ou mogussá, é um extrato envelhecido,  batido e seco das folhas dessa erva. Depois é utilizado tanto diretamente quanto indiretamente na pele em regiões com dores ou pontos de acupuntura. O princípio do tratamento é através do calor, mas ainda não são descartadas as propriedades curativas já conhecidas da planta. (Fonte: Wikipedia)

É uma planta perene (vive mais de 2 anos) herbácea de pequeno porte, geralmente medindo em torno de 40 cm a 2 metros de altura; nativa de regiões de clima temperado. Seu caule possui uma coloração púrpura. Suas folhas, de 5 a 20 cm são fendidas conforme a espécie; de cor verde-escuras acinzentada na superfície, possuindo densa camada de pequenos pêlos brancos na parte inferior. Produz flores pequenas, de cores vermelhas, brancas ou amarelas.

Partes utilizadas: raiz, caule e folhas. Todas as partes da planta possuem sabor muito amargo e aroma muito forte.
Seu principal componente é um óleo essencial que varia de cor verde-azulada e amarelo-castanho

Propriedades medicinais:
É anti-inflamatória, antiepilética, antiespasmódica, calmante, digestiva, diurética, sedativa, vermífuga.
Indicada em casos de anemia, Cólicas abdominal.
Cura diarreia, Mata vermes, lombriga, oxiúro.
Facilita a digestão

É a principal erva do aparelho uro-genital feminino, Prevenindo doenças, regularizando o ciclo menstrual e aliviando as cólicas.

Uso do chá: gripe, anemia, envenenamentos, cólicas intestinal e menstrual, regula a menstruação e tira as dores pós-parto; debilidade do estômago, gastrite, flatulências, mau hálito; epilepsia, câimbras, diarreias, hidropisias, icterícia, vermes, reumatismo, nervosismo, histerismo, nevralgia; para auxiliar no tratamento de diabetes e ultimamente para combater a malária, a febre amarela e até a dengue.
 

Também limpa e regulariza o funcionamento de diversos órgãos: estômago, fígado, bexiga e pulmões.
É uma excelente diurética, e por isso ajuda muito no funcionamento e na limpeza constante dos rins.

O óleo da artemísia é empregado para diversos tipos de dores e muito usada hoje nas terapias alternativas para melhorar a concentração e a memória, misturado com óleos essenciais de alecrim e sálvia.

NÃO SE PODE ABUSAR DO CHÁ, MESMO SENDO CURATIVO.
 

É contra-indicada a mulheres grávidas devido a ser uma planta abortiva.
Em dose exagerada também é perigosa.

ALGUNS USOS ENERGÉTICOS E MÁGICOS:
Artemísia é a erva da mulher, para recompor o Eu feminino, indicada em banhos, para ajudar a mulher a se integrar muito mais no seu papel, com sua maternalidade e sensibilidade. É ótima para mulheres que precisam ser sempre fortes, ou que não se assumem inteiramente, pois precisam fazer numa grande parte da sua vida, papel de homens.
Promove sonhos psíquicos, viagens astrais, visões do futuro.

O chá de artemísia pode ser usado para limpar os cristais e as gemas e também para quem quer se comunicar com as fadas.

OUTROS USOS:
- É muito utilizada como moxa na terapia chamada moxabustão, difundida através da medicina tradicional chinesa e japonesa.
- Os andarilhos colocavam a planta nos sapatos para evitar feridas.
- Os escalda-pés ou pedilúvios feitos com o óleo de Artemísia, relaxam, tiram dores, e promovem uma limpeza nos rins diminuindo o inchaço no corpo.

NÃO SE ESQUEÇA:
Não se esqueça de que as ervas têm um princípio ativo assim como qualquer medicamento de farmácia, por isso não podem ser tomadas sem indicação de um especialista.
Doses altas de chá de artemísia podem causar dores de cabeça e tonturas. Doses em excesso são psicoativas e têm efeitos paralisantes.

Por Lu Fernandes:

Luciane Fernandes

Lu Fernandes, como é carinhosamente chamada e conhecida, terapeuta holística, coach espiritual, estudiosa do esoterismo e práticas espirituais, Sacerdotisa na Magia Natural, pertencente ao Grupo de Mestres da Tradição Ser Divino, Facilitadora de Circulo de Mulheres, Mestra em Reiki, Karunya Teramai, na Magia dos Arcanjos e em Harmonização de física e energética das casas, ambientes comerciais e empresariais, utilizando Feng Shui.

Entre seus campos de conhecimentos estão mais de 15 anos de Tarot, Aromaterapia, Numerologia, Baralho cigano, Tarots Terapeuticos, além de Metafísica, Alquimia das Ervas, Cristais, Fitoterapia, Fitoenergética, Cromoterapia, Florais de Bach, Australiano e Radiestesia.​

Dá cursos, faz atendimento presencial e online de Tarot e atendimentos como Terapeuta Holistica restabelecendo a cura fisica e emocional, trazendo sua vida de volta, entrando no caminho da alegria e prosperidade.

Email: terapeutamagica@gmail.com

  • Instagram
  • YouTube
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn

©2020 por Terapeuta Mágica. Orgulhosamente criado com Wix.com